Uma paixão por fotografia – Wladimir Togumi
24 de abril de 2018
Triângulo Esporte (25 artigos)
Compartilhar

Uma paixão por fotografia – Wladimir Togumi

Ele registra toda a beleza e adversidade das provas em busca de um clique, uma paisagem ou uma ação perfeita.

A necessidade é uma das ferramentas que podem transformar a vida de uma pessoa, e com Wladimir Togumi não foi diferente. A fotografia surgiu em sua vida com a ideia de criar o site Adventuremag, bem no princípio das corridas de aventura no Brasil. Imaginou que as fotos seriam uma importante forma de comunicação e uma ferramenta imprescindível para mostrar as belas paisagens por onde as corridas passavam. Pediu a seu primo uma câmera emprestada, uma Nikon FM10, recorda ele, totalmente mecânica e manual, e começou a acompanhar as provas nos locais onde ocorriam. Nunca havia fotografado, e esse primo explicou apenas o básico: onde colocar o filme, controlar abertura, velocidade etc. Ah, e não esquecer de puxar o filme após cada clique!

“Na época encontrei para venda uma caixa com 5 filmes de 36 poses, e esse era o meu limite para cada corrida. E pensar que hoje em dia um cartão de memória tem uma capacidade gigante de fotos. Ao retornar da corrida, levava os filmes a um laboratório de revelação rápida, fazia uma seleção e levava a outro lugar para escanear. Quando chegava em casa, reduzia um pouco mais o tamanho e publicava no site. A ansiedade sempre era grande para saber se tinha acertado a fotometria e o foco, e não foram poucas as vezes que perdi momentos interessantes. Como quando acompanhei uma sessão de canoagem em um barco da organização para depois descobrir que o filme estava mal encaixado e não tirei nenhuma foto. O filme voltou intacto. O lado positivo é que tinha um rolo novo para a próxima corrida”, relata Togumi. Enquanto isso, Togumi ficava admirado com as Coolpix e Mavica, as primeiras câmeras digitais voltadas para os consumidores domésticos e utilizadas pelos fotógrafos das outras mídias.

O tempo foi passando até que conseguiu sua primeira máquina digital. Fez uma revisão na FM10 e a devolveu sã e salva para seu primo. E desde então vem acompanhando os esportes de aventura de perto, principalmente as corridas de aventura e mais recentemente o trail running. “Tive a oportunidade de clicar outros tipos de eventos – corporativos, sociais, shows –, mas o esporte ainda continua sendo o meu carro-chefe, que me leva para diferentes lugares, que me ajuda na composição de diferentes paisagens e me faz conhecer novas pessoas nesse mundo afora.

Hoje vejo que acompanhar as corridas de aventura foi uma grande vantagem em relação à diversidade de lugares por onde andei e ajudou muito na montagem de um portfólio diversificado. Por exigir que os participantes encontrem os seus caminhos utilizando mapas e bússolas, as organizações sempre estavam à procura de um lugar novo, menos conhecido e ao mesmo tempo com uma bela paisagem. Alia-se a isso o fato de ser um esporte multidisciplinar; em um mesmo dia eu voltava com imagens de trekking/trail running, mountain bike, canoagem e qualquer outra modalidade incluída na etapa, por exemplo cavalgada e técnicas em cordas (rapel, tirolesa). E apesar do trail running ter percurso demarcado, a busca por um local bonito que alie esporte e turismo de aventura leva os organizadores desse tipo de prova a essa mesma missão”, afirma Togumi. Hoje, Togumi passa quase todos os fins de semana em alguma competição. Muitas das provas que acompanha acontecem na Região Sudeste, mas também viaja para outras regiões do Brasil e até mesmo para o exterior em busca de um clique, uma paisagem ou uma ação diferente.

Wladimir Togumi é fotógrafo esportivo, criador da revista eletrônica AdventureMag que promove, divulga e incentiva o esporte nacional.

Compartilhe!
Triângulo Esporte

Triângulo Esporte